As minhas regras – Como preparo uma viagem!?

Planear uma viagem

 Quem, Quando, Onde, Como?

    Em primeiro lugar, eu analiso sempre quem vem viajar comigo, o que gosta de fazer e qual o orçamento disponível.

  Se for um grupo de pessoas muito desportivo e que gosta de adrenalina – procuro um lugar com muita natureza para explorar e onde existem montes de atividades relacionadas com desporto como mergulho, canyoning, desbravar passadiços, entre outros.

  Se for um grupo que adora história e art – procuro um lugar com muita cultura e história presente, mas onde existam paisagens lindas, quer criadas pela natureza, quer criadas pelo homem.

  Se for um grupo que junta muitas crianças ou jovens – procuro um lugar com muitos parques de diversões e aquáticos, jardins zoológicos ou grandes aquários, praias boas ou até um parque de campismo interessante.

  Se eu for viajar sozinha, ou só com o meu namorado, pensamos no nosso estado de espírito, e o que queremos usufruir naquela viagem, visto que nós gostamos um pouco de tudo!

  Depois de feita, uma análise destes 3 pontos importantes: Quem, o que gosta de fazer e qual o orçamento, está na hora de fazer uma pesquisa. Nesta pesquisa, eu vou recolher textos, imagens, revistas, posts, tudo aquilo que eu encontrar a respeito. Depois tento fazer uma selecção retirando alguns destinos da lista por exclusão de partes, ou porque não se enquadra no orçamento, ou porque é demasiado longa a viagem e o grupo tem pessoas mais idosas, etc. Tendo chegado a um grupo de destinos mais reduzido (talvez 5), reúno o grupo para discutir ideias e opiniões.

  Esperando que fique decidido nesta reunião o destino, agora começa a parte que me dá mais gozo. Pesquisar exclusivamente sobre o destino escolhido, normalmente chego até a ver imensos vídeos no youtube. Eu aponto tudo aquilo que me gerou interesse, num caderninho. Após a minha análise detalhada de tudo que encontrei, começo a fazer o roteiro de acordo com a flexibilidade do orçamento.

 

  SUPER DICA D’ANA: Pesquisa bastante sobre o destino!!
  Para evitar ficar com a sensação, que podias ter colocado no roteiro um destino de sonho, mas que não sabias que ficava ali ao lado!

 

  Quantos dias ficar? Normalmente, sou condicionada no tempo da viagem porque só tenho X dias de férias antes de voltar ao trabalho, mas, quando não existe esta condição, escolho de acordo com o orçamento. Tento sempre ser o mais justa possível com o destino a visitar.

  Em que época do ano devo viajar? Não existe uma época obrigatória para viajar… Normalmente nos artigos que publico, dou sempre a dica da melhor época para aquele destino, analisando diversos fatores! Mas é sempre bom viajar, seja em que época for. E existem lugares magníficos de visitar quer em épocas quentes quer em épocas frias, por exemplo a serra da estrela: no inverno podemos nos divertir à brava na neve, e no verão usufruir das praias fluviais!

 

   SUPER DICA D’ANA: Deixa sempre pelo menos um dia, sem nada planeado.
  Podem ocorrer imprevistos, podes ter avaliado mal o tempo que disponibilizaste no roteiro para cada sitio a visitar, e no local, descobrimos sempre alguma coisinha que não tínhamos encontrado na internet.

 

BAGAGEM 

O que levar na bagagem

Este tema, acaba por ser um pouco pessoal, mas há coisas que não podem faltar na viagem:

  • KIT PRIMEIROS SOCORROS

  A saúde em primeiro lugar. Devemos sempre preparar um kit primeiros socorros com os medicamentos mais óbvios. Tenta sempre colocar medicamento para dor de cabeça, dor de estômago, enjoo, dores menstruais, creme para queimaduras, gel para desinfectar feridas, pensos, entre outros. Obviamente se tomas algum medicamente todos os dias, convém não esquecer esse também!

  • KIT MEMÓRIAS

  Super importante preparar a sua mochilinha do kit memórias! O que é isso ? – perguntam vocês.

  O kit de memórias é nada mais nada menos que o material indispensável para relatar as tuas aventuras: máquina de filmar, máquina fotográfica, cartões de memória, respectivos carregadores das máquinas e uma bateria extra se tiveres! Para mim, vale sempre levar também um caderno e uma caneta para apontar momentos que não me quero esquecer de vos contar!!

  • Material próprio

  Este material, refiro-me a viagens muito especificas. Por exemplo, uma viagem onde pretendes fazer escalada, convém levares material de montanhismo. Tu melhor do que ninguém, sabes que material é este!

  • Roupa

  Não ocupes muito espaço na tua bagagem com roupa. Leva apenas o essencial, três ou quatro mudas de roupa para 10 dias é mais que suficiente! Vais precisar de espaço na bagagem, pois de certeza que vais querer trazer presentes e recordações do destino que visitaste! Além do mais, se fores como eu, que quando visitas um país diferente queres aproveitar para visitar logo mais do que uma cidade, acredita que vais sentir um peso ás costas se levares demasiada roupa.

  • Kit de Higiene

  Se gostas de te maquilhar, e usar produtos de banho de certas marcas – leva contigo. Eu costumo comprar os produtos de banho no destino ou até uso apenas os do hotel, excepto quando viajo para países mais caros, nestes casos tento sempre levar um mini kit de higiene. No meu kit eu não dispenso: escova e pasta de dentes, um pente, gel de banho, shampo, amaciador, creme de corpo, protector solar e desodorizante. (dependendo do tempo da viagem posso ou não acrescentar um corta-unhas).

  Tenta levar no teu kit o mínimo possível, e lembra-te que em viagens de avião existem regras especificas para estes kit’s.

  • Kit de Documentos

  Algo tão importante como o kit de documentos não pode faltar! Por isso mesmo fiz um post especial sobre documentos necessários para viajar pelo mundo. No entanto resumidamente deves incluir neste kit, documento de identificação (cartão de cidadão), passaporte, cartão de saúde Europeu, dados das reservas, bilhetes de voo, bilhetes de transferes, documentos da seguradora, carta de condução, entre outros que aches necessário.

 

Como organizo a minha bagagem

 

                Para mim, durante muitos anos, este foi um bicho de 7 cabeças!

  Para a grande maioria das pessoas, o difícil é pensar e separar o que levar, quantas peças de roupa, roupa quente, roupa fria, o que mais? Depois de tanto esforço, quando se chega no destino sempre há algo que faltou!

  BEM, comigo é exatamente o contrário! Eu raramente me esqueço de alguma coisa, mas nunca sabia bem como organizar a bagagem, até descobrir estes troques:

  • Deixa o kit de primeiros socorros e o kit de documentos na tua bagagem de mão;
  • Se ainda houver espaço, leva na tua bagagem de mão também o kit de memória;
  • Se fores fazer escalas, deixa o carregador e o pijama de fácil acesso (por cima);
  • Coloca as coisas mais frágeis por cima, mas bem defendidas (enroladas em toalhas por exemplo);
  • Coloca os sapatos no fundo;
  • Cola sempre uma etiqueta “Frágil”, para manusearem a tua mala com cuidado;
  • Deixa espaço extra na tua mala, para trazer recordações do destino de viagem;
  • Não te esqueças de identificar bem a tua mala, com nome, contacto e morada;

 

Regras bagagem avião

 

  É preciso ter em atenção as regras de bagagem da empresa pela qual vais viajar, para evitar custos extra na hora de embarque. As regras relativamente às medidas variam de empresa para empresa, mas à regras óbvias e fixas para qualquer empresa.

 

Bagagem proibida

Consulta no site da Autoridade Nacional de Aviação Civil (ANAC)

  • Pistolas, armas de fogo e outros dispositivos que disparem projéteis;
  • Dispositivos destinados especificamente a atordoar ou a imobilizar;
  • Objetos pontiagudos ou cortantes;
  • Ferramentas;
  • Objetos que podem causar ferimentos graves se utilizados para agredir alguém fisicamente;
  • Explosivos, substâncias e dispositivos incendiários;

 

Bagagem com restrições:

Líquidos – tem de ser guardados em recipientes devidamente identificados, e em embalagens inferiores a 100ml (os recipientes tem de ser transportados dentro de sacos com medidas especificas 20cm x 20cm e não podem exceder 1 Litro no total);

Os medicamentos líquidos, não estão obrigados a estas normas;

Instrumentos musicais e obras de art – na maioria das operadoras de viagem, estes objectos podem ser colocados no porão, num contentor rígido próprio para o efeito, ou leva-lo na bagagem de cabine desde que reserve um lugar extra. Informa-te melhor no site do teu operador.

Espero ter-te ajudado na organização e preparação da tua viagem. Se ainda ficas-te com dúvidas deixa-me um mensagem na caixa de contacto, terei gosto em ajudar-te com outras questões!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.